Arquivo do mês: abril 2008

Obama quebra laços com Pastor Wright

Durante semanas o candidato Barack Obama tem sido atacado por suas ligações com o Pastor Jeremiah Wright. As posições do Pastor Wright jamais combinariam com as de qualquer candidato à Casa Branca.

Enquanto Barack Obama prega a união entre as classes raciais, o Pastor Jeremiah tem feito comentários que dividem a sociedade norte-americana. O candidato democrata a princípio abraçou o Pastor Wright, esperando que a mídia esquecesse seu ponto mais fraco, mas, com a derrota na Pensilvânia a pressão sobre ele aumenta consideravelmente.

Obama cortou hoje os laços com Jeremiah hoje, ou seja, dias antes das primárias da Carolina do Norte e de Indiana.

Mais no New York Times.

Filme de Martin Scorcesse relata a longevidade dos Rolling Stones

O que acontece quando se junta o nome forte do cinema com a marca cultural dos anos 60? O diretor Martin Scorcesse já acertou em cheio com No Direction Home, a obra que trata da vida da lenda viva Bob Dylan.

Keith Richards e Mick Jagger são as chamas do rock’n’roll dos Stones em Shine A Light, a chama que não apaga mesmo depois dos membros da banda virarem sessentões.  O filme tem sido sucesso de crítica nos Estados Unidos, mas, como todo filme-documentário não atingiu amplamente os cinemas.

Para ver os horários de Shine A Light nos Estados Unidos, clique aqui.

Seleção brasileira volta em junho a Boston

Gillette Stadium aguarda seleção brasileira em junho.

A seleção brasileira volta a Boston em junho para um amistoso com a Venezuela. Depois do espetáculo da casa cheia no Gillette Stadium em setembro do ano passado, o time do coração volta a jogar nos Estados Unidos.

No dia 31 de maio, os brasileiros enfrentam o Canadá em Seattle, Washington e no dia 6 de junho estarão em Boston para um jogo emocionante contra a Venezuela.

Vamos pintar o Gillette de verde e amarelo. Esperamos também a torcida feminina!

Foto: Divulgação.

 

Dos jornais de domingo

New York Times: o Senador McCain, candidato à Presidência dos Estados Unidos, faz uso frequente do jato de sua esposa Cindy na campanha eleitoral. A esposa de John McCain é empresária e o jato pertence à sua empresa. (O caso lembra bem o Senador John Kerry em 2004 que contou com o apoio financeiro da esposa Teresa Heinz, do império Heinz). 

Washington Post: a fatiga na campanha eleitoral é a maior inimiga dos Democratas na indecisão entre Obama e Hillary. Além dos eleitores estarem cansados, os candidatos e seus assessores dividem o sentimento de exaustão.

Los Angeles Times: a devastação do fogo em Sierra Madre, Califórnia, é o destaque do jornal, que traz vídeo dos incêndios, que já forçou a evacuaçõa de 100 residências.

 

Da coluna do Adelor Lessa

Amigo do Blog, o leitor Fernando Borges, agora no Brasil, tem seu nome citado como possível candidato a prefeito no Arroio do Silva-SC. Mas a especulação continua na coluna de hoje do Adelor:

“Em Arroio do Silva, setores do PP voltam a articular a candidatura do empresário Jairo Borges, PP. Isto porque Fernando, sobrinho de Jairo, filho de Juca Borges, ex-prefeito, não estaria atraindo aliados. O PSDB, por exemplo, faz aliança com o PP, mas só se o candidato for Jairo.

Vitória de Hillary pode ser ilusória

Esse blog tem vários leitores que admiram o Presidente Clinton, e, certamente, gostariam de ver Hillary na presidência. A vitória na Pensilvânia, para os adeptos de Hillary, simboliza a reconquista do espaço político perdido na Super Terça em fevereiro passado.

Ainda que Obama tenha se desgastado por suas ligações com um pastor radical, ainda que tenha mordido a língua defendendo quem utiliza armas para assegurar seu lugar ao sol na sociedade, é bem provável que em maio o candidato conquiste os estados de Indiana e Carolina do Norte.

Agora, hoje qualquer um dos dois candidatos teria que suar para passar na frente do republicano John McCain. Por tudo o que ele representa, por tudo o que defendeu, McCain poderá surpreender mesmo àqueles que desejam mudança.

Com McCain no poder, é bom lembrar que a Guerra do Iraque continuará firme e forte.

Para conquistar os votos necessários para a vitória, os republicanos conservadores escolheram o mais flexível dos possíveis candidatos. Confundir a opinião pública será o mínimo que os conservadores farão até novembro.

E hoje tem primárias na Pensilvânia

Pedro Dória nos brinda novamente com a melhor análise em português na Web. Leia aqui.