Bernanke declara que economia ainda precisa de estímulo do FED

Do New York Times:

“Apesar da melhora recente no mercado de trabalho, o Federal Reserve deve prosseguir com sua política de estímulo para evitar colocar em risco a recuperação, o presidente do Fed, Ben S. Bernanke, disse ao Congresso na quarta-feira.

Embora reconhecendo os riscos de taxas de juros historicamente baixos e a política agressiva do Fed de comprar títulos do governo para estimular a economia, Bernanke disse em depoimento que “o aperto prematuro da política monetária pode levar as taxas de juro a subir temporariamente, mas também levaria a um risco substancial de abrandar ou acabar com a recuperação econômica “.

Ao ser questionado pelo deputado Kevin Brady, um republicano do Texas, que preside o Comitê Econômico Conjunto, Bernanke disse que o Fed poderia se preparar para “dar um passo para baixo” nas próximas reuniões, se as perspectivas para o mercado de trabalho melhorassem.

“Depende dos dados”, disse ele. “Se as perspectivas para o mercado de trabalho melhorarem, gostaríamos de responder a isso.”

Mr. Brady perguntou se a redução gradual pode começar antes de setembro, o que levou o Sr. Bernanke a dizer: “Eu não sei.””

Os comentários estão desativados.